Marcadores

quarta-feira, janeiro 19, 2011

Delírios da realidade interior


Fechei os olhos, e mesmo assim o tempo não passou,
Se intactou, instalou nos arredores do meu quarto ainda obscuro,
E assim afundou...

Afogou minhas angústias, minhas paixões ainda de corte exposto,
Minhas incertezas que jamias serão absolutas,
E molhou meu edredom com o resultado do que foi decretado.

Fantasmas agora me visitam, entre eles comparecem meus delírios,
Não é droga, ou falta de comida, é meu universo atrás de meus olhos,
Que ninguém ousou comparecer.

Mas agora, com a dor delirante de meus pulmões, vai-se embora minha única esperança,
Acho que morrerei agora, pois o pássaro fugiu junto com o que me restava,
E assim juntamente com o meu sorriso, entro em um sono perdido, mais profundo do que a alma.

sexta-feira, janeiro 14, 2011

Uma pergunta leva a outra_umbigo em questão



O pai estava lendo o jornal pacientemente na cozinha. A criança com cara de anjo, com uma bíblia infantil na mão, vai exclarecer uma dúvida cruel que não lhe saia da cabeça á uma semana:
_Pai!
_O que foi Antônio?-pegou o filho no colo.
_Papai, Adão e Eva existiu de verdade?
_Sim meu querido, existiu.
_A professora disse que quando o bebê 'tá na barriga da mãe ele come pelo umbigo.
_É, na verdade a criança se alimenta do que a mãe comeu, aí os nutrientes vão para mãe e pro bebê.
_Li na história que Adão e Eva tiveram um monte de filhos, aí surgiu um monte de famílias, como a gente.
_Tá mais... o que tem a ver a professora com Adão e Eva?
_Como Adão e Eva tiveram bebê se ela não tinha umbigo?-o pai coçou a cabeça.
_Não tinha umbigo? Claro que tinha!
_Não pai, porque Eva nasceu da costela de Adão, ela não tinha mãe!
_Bem... olha, abre o livro, viu? Ela tinha umbigo!
_Mas isso aqui é pintura! Eu tô falando da Eva de verdade!
_Bem... foi Deus que colocou umbigo nela!
_Mas porque ele colocou umbigo nela se ela não precisava? Porque eu li na internet que umbigo é a cicatriz que o médico corta quando o bebê nasce. Mas ela não nasceu!
_Como ela não nasceu? Ela não teve bebê?
_Ela foi criada, pai, você leu a bíblia?
_Claro que li... porque você não vai conversar com Deus? Aí ele fala pra você!
_Ele vai falar comigo?-disse, dando pulos de alegria
_Concerteza!
_Tá! Obrigado pai!
O pai tentou voltar o raciocínio sobre o dólar no jornal, mas não conseguiu. O fechou, e ficou refletindo sobre o umbigo da Eva.
_Será que na internet fala se Eva teve umbigo?
Se levantou e foi direto ao computador da sala fazer a pesquisa, deixando o dólar de lado.

quinta-feira, janeiro 13, 2011

Insanidade bruta
















Então...
Que lhe arranque seus pulsos para evitar a vitalidade,
Que o deixe queimar,
Que interfira esse fogo adentro,
Somando com a dor,
Em sua matéria diminuir.
Que lhe tampe sua boca,
Interferindo em sua vontade
De libertar o espírito querendo a fuga.
Que o aprisione,
Que lhe finque do mais puro ácido que a faca pode conter,
Na carne que se rasga junto com o sangue aprisionado.
Que lhe tire a sanidade,
a vida,
A cor,
O contexto...
Que retire seu espírito imediatamente...
Mas saiba que um pedaço seu,
Morrerá com essa árvore.

Preserve a natureza,
A cada dia seu grito aumenta,
E sua saúde diminui..